MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

São Paulo amplia grupos elegíveis para receber a vacina contra a gripe; confira

Conforme o Ministério da Saúde, 218.713 pessoas já foram imunizadas na capital paulista desde o início da campanha. Veja os novos grupos elegíveis para tomar a vacina contra a gripe

Veja os novos grupos elegíveis para tomar a vacina contra a gripe em São Paulo
Veja os novos grupos elegíveis para tomar a vacina contra a gripe em São Paulo - Agência Brasil
Pedro Miranda

Pedro Miranda

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 17/04/2023, às 20h05

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

A partir desta segunda-feira (17), a cidade de São Paulo ampliou a lista de grupos que podem receber a vacina contra a gripe. Entre os alvos da campanha estão pessoas com 60 anos ou mais, crianças de seis meses a cinco anos de idade, trabalhadores da saúde, professores, gestantes e puérperas.

Desde o início da campanha de vacinação, na segunda-feira passada (10), 218.713 pessoas já foram imunizadas, com um total de 2,071 milhões de doses destinadas ao município pelo Ministério da Saúde.

A vacinação é feita nas unidades básicas de saúde (UBSs) e assistências médicas Ambulatoriais (AMAs), que atendem inclusive aos sábados e feriados, com horário de funcionamento das 7h às 19h.

+++ Governo federal anunciará 14 medidas para estimular crédito e discussão de juros do cartão rotativo

Veja os novos grupos elegíveis para tomar a vacina contra a gripe em São Paulo

Agora, além de pessoas com mais de 60 anos, crianças a partir de 6 meses até 6 anos, gestantes, puérperas, indígenas e imunossuprimidos, podem também receber a imunização profissionais da saúde e da educação, assim como pessoas com deficiência permanente ou com comorbidades. 

Além disso, as doses também estão disponíveis para profissionais de transporte coletivo rodoviário, profissionais portuários, trabalhadores das forças de segurança e salvamento, das forças armadas, do sistema prisional, além da população privada de liberdade, incluindo adolescentes em medidas socioeducativas.

O secretário municipal da Saúde, Luiz Carlos Zamarco, ressalta a importância da ampliação da lista de grupos elegíveis para receber a vacina, especialmente para os profissionais com maior exposição ao vírus da gripe, para a proteção individual e coletiva das pessoas com as quais convivem e atendem diariamente.

Em 2022, foram vacinadas 4.457.341 pessoas na cidade de São Paulo, e a expectativa é de que a ampliação dos grupos elegíveis para receber a vacina contra a gripe em 2023 aumente ainda mais esse número.

+++ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.