MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Síndrome de Tourette faz Lewis Capaldi parar carreira; Conheça a doença

O famoso cantor e compositor internacional, conhecido mundialmente, anunciou a decisão de interromper sua carreira devido à Síndrome de Tourette. Saiba quais são os sintomas

Cantor Lewis Capaldi no palco com violão e próximo ao microfone
Cantor Lewis Capaldi no palco com violão e próximo ao microfone - Divulgação
Mylena Lira

Mylena Lira

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 27/06/2023, às 23h54

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

O mundo da música foi surpreendido hoje com a notícia de que o renomado cantor e compositor Lewis Capaldi decidiu interromper sua carreira devido à Síndrome de Tourette, uma condição neurológica que afeta milhões de pessoas em todo o mundo. A revelação foi feita pelo próprio artista nesta terça-feira, 27 de junho, em suas redes sociais.

O anúncio trouxe à tona a necessidade de conscientização e compreensão sobre essa doença ainda pouco compreendida pela sociedade. Lewis Capaldi, conhecido por sua voz poderosa e suas emocionantes canções, assumiu corajosamente que a Síndrome de Tourette começou a afetar sua capacidade de se apresentar no palco e cantar. 

Seu primeiro álbum foi um sucesso e o segundo álbum, muito aguardado pelos fãs, foi lançado no mês passado. O músico estava em turnê, que passaria pela Europa, Austrália, parte da Ásia, Reino Unido e no Oriente Médio. Capaldi pediu desculpas aos fãs que planejavam ir às apresentações da turnê, que não vai mais acontecer.

"Eu preciso me sentir bem para ter um desempenho no padrão que vocês merecem", disse hoje ao comunicar a pausa na carreira. "Tocar para vocês todas as noites é tudo que eu sempre sonhei. Então, esta é a decisão mais difícil da minha vida. Eu voltarei assim que puder", ressaltou.

+Pela 1ª vez, universidade do Brasil está entre 100 melhores faculdades do mundo

Crises em shows

Lewis Capaldi se apresentou pela última vez no sábado passado, 24 de junho, no festival Glastonbury, quando ele não conseguiu terminar de cantar uma música e precisou da ajuda da plateia, que cantou a canção. Essa não foi a primeira vez em que ele não foi capaz de cantar toda uma música.

Três meses antes, em fevereiro deste ano, Capaldi teve uma crise enquanto se apresentava em Frankfurt, na Alemanha, no meio da faixa "Someone you loved". Os fãs terminaram a canção nesse dia. Em 2022, episódio assim já havia acontecido.

O diagnóstico da doença foi relevado ao público em setembro do ano passado, por meio de uma transmissão ao vivo no Instagram. Ele chegou a declarar que "apesar de amar a música e a energia dos shows, a Síndrome de Tourette se tornou um obstáculo insuperável".

A Netflix tem um documentário que conta como Capaldi se tornou um popstar e é uma ótima oportunidade para conhecer mais sobre sua carreira e também sobre a doença. Isso porque, durante as filmagens, a síndrome começa a se manifestar de forma mais intensa e é quando o cantor descobre que tem a doença, retratada no documentário - intitulado "Lewis Capaldi: How I'm Feeling Now".

+Pensão por morte do INSS: veja quem tem direito ao benefício e como pedir

O que é a Síndrome de Tourette e o que ela provoca?

A Síndrome de Tourette é um transtorno neuropsiquiátrico caracterizado por tiques motores e vocais involuntários. Esses tiques podem variar em intensidade, frequência e duração, afetando a vida cotidiana e até mesmo a carreira profissional de quem convive com a doença, como no caso de Capaldi. Os tiques frequentes e imprevisíveis começaram a prejudicar a performance do cantor, tornando-se um desafio tanto físico quanto mental.

Esses tiques podem envolver:

  • movimentos bruscos;
  • gestos repetitivos;
  • vocalizações inapropriadas (gritar um palavrão do nada, por exemplo); ou
  • palavras obscenas.

A Síndrome de Tourette também pode estar associada a outros sintomas, como a presença de pensamentos intrusivos, impulsividade, hiperatividade, dificuldade de concentração e problemas de controle emocional. Esses sintomas podem variar amplamente de pessoa para pessoa.

Saúde em em primeiro lugar

A decisão de Lewis Capaldi de interromper sua carreira musical, mesmo que temporariamente, evidencia a importância de priorizar a saúde e o bem-estar. A Síndrome de Tourette afeta aproximadamente 1% da população mundial, e embora ainda não exista uma cura definitiva, existem tratamentos disponíveis para controlar os sintomas e melhorar a qualidade de vida dos afetados.

Além de sua incrível contribuição para a música, o cantor escocês agora se torna um porta-voz involuntário para a conscientização sobre a Síndrome de Tourette. Sua coragem ao compartilhar sua jornada com seus fãs e o mundo em geral pode ajudar a dissipar estigmas e promover mais inclusão. 

"Eu costumava aproveitar cada segundo de shows como esse [realizado em 24 de junho] e esperava que três semanas de distância me resolvessem. Mas a verdade é que ainda estou aprendendo a me ajustar ao impacto da minha síndrome de Tourette e no sábado ficou claro que preciso dedicar muito mais tempo para colocar minha saúde mental e física em ordem, para poder continuar fazendo tudo o que amo para muito tempo", afirmou hoje.

Atualmente, não existe uma cura conhecida para essa síndrome. No entanto, existem várias opções de tratamento disponíveis que podem ajudar a controlar os sintomas e melhorar a qualidade de vida das pessoas afetadas. O tratamento, geralmente, é personalizado e adaptado às necessidades individuais de cada paciente e pode envolver:

  • Terapia comportamental;
  • Uso de medicamentos;
  • Apoio psicossocial; e
  • Abordagens complementares, como acupuntura, fisioterapia, meditação e ioga.

Confira abaixo a íntegra do comunicado divulgado hoje por Capaldi em seu Twitter:

+++Acompanhe as principais notícias sobre Sociedade no JC Concursos.

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.