União contra fraudes

Saiba como proceder em caso de fraude, assim como ocorreu com a seleção da Secretaria Estadual de Fazenda do Rio de Janeiro

Redação
Publicado em 27/09/2011, às 14h52

Cláudia Jones

Hoje vou citar um caso de fraude em concurso realizado no Rio de Janeiro, mas que poderia acontecer em qualquer parte do país, em qualquer esfera, e é bom que você, candidato, saiba como proceder em uma situação dessas. No caso que vou citar, veremos que um grupo de candidatos, representado pelo meu amigo professor  e advogado especializado em concursos, Sérgio Camargo, arregaçou as mangas e foi atrás dos seus direitos. Tudo indica que será mesmo uma vitória.

Estou falando sobre o concurso da Secretaria Estadual de Fazenda do Rio de Janeiro (Sefaz/RJ). O concurso foi manchado por denúncia de fraude envolvendo três candidatos – exatamente os três que passaram nos primeiros lugares.

Conversando com o advogado Sérgio ele me explicou que uma recente decisão da Justiça está garantindo que, depois desses três candidatos, os outros primeiros lugares assumam o posto, em uma decisão de primeira instância.

A grande lição que fica de tudo isso é que todos os candidatos que se sentirem prejudicados, seja em que concurso for, devem lutar pelos seus direitos, pelo direito ao sonho de conquistar a vaga que merecidamente é sua no serviço público, superando as dificuldades que isso possa representar para qualquer um de nós.

Este não foi nem será o primeiro ou último caso de fraude em um concurso. Para isso é importante que todos se organizem e fiscalizem.

O Ministério Público também é um importante aliado nesse momento. Toda a sociedade deve estar engajada para que cada vez menos tenhamos situações como aquela. Quanto mais apertarmos o cerco, mas credibilidade terá a administração pública. Sendo assim, não se abale com eventuais notícias de fraudes e siga em frente.


Bons estudos.

Cláudia Jones é especialista da Academia do Concurso

Comentários

Mais Lidas