Em Minas Gerais

Concurso MGS para 3.138 vagas tem provas remarcadas

Ofertas do concurso da MGS (Minas Gerais Administração e Serviços S.A.) estão distribuídas entre cargos de níveis fundamental, médio e técnico

0,00(0.0%)0 voto(s)

Patricia Lavezzo
Publicado em 24/05/2019, às 09h34 - Atualizado em 12/06/2019, às 14h30

None
Shutterstock

Com inscrições recebidas até 9 de junho, depois de passar por uma prorrogação, o concurso da MGS (Minas Gerais Administração e Serviços S.A) teve suas provas remarcadas para 23 de junho e não mais o dia 16. A seleção visa ao preenchimento de 3.138 vagas para atuação na cidade de Belo Horizonte, situada no Estado de Minas Gerais.

Do total de oportunidades, 1.628 são destinadas a cargos de nível fundamental e 1.510 para ensino médio e/ou curso técnico. O contrato de trabalho será regido pela CLT (Consolidação das Leis do Trabalho).

Candidatos que têm o ensino fundamental incompleto (4ª série) podem disputar as funções de cantineiro (941 vagas), capineiro (10), oficial de manutenção escolar (30) e servente escolar (335). Já para quem concluiu o ensino fundamental, a chance é para o emprego de porteiro escolar (312). Os salários iniciais oscilam entre R$ 1.041,73 e R$ 1.388,49.

Quem tem o ensino médio está apto às carreiras de agente de informática e reprografia (80) e auxiliar de apoio ao educando (1.430), cujos respectivos vencimentos são de R$ 1.608,62 e R$ 1.319,21. O primeiro posto ainda exige curso técnico em informática.

De acordo com o edital do concurso da MGS, os servidores ainda receberão os seguintes benefícios:

  • vale-alimentação;
  • vale-transporte;
  • seguro de vida em grupo.

Como se inscrever no concurso da MGS

O Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação - IBFC é o responsável pela organização e execução do processo de seleção. As inscrições foram recebidas exclusivamente pela internet, através do site www.ibfc.org.br.

Foi cobrada uma taxa de participação, nos valores de R$ 35 (capineiro), R$ 37 (porteiro e servente), R$ 38 (cantineiro e oficial) e R$ 46 (nível médio).

Informações sobre as provas

Todos os candidatos serão avaliados por meio de prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. Ela contemplará 20 questões de múltipla escolha que versarão sobre as disciplinas de língua portuguesa, matemática, conhecimentos gerais e/ou conhecimentos específicos.

Com duração máxima de três horas, o exame será aplicado na cidade de Belo Horizonte/MG. O cartão de convocação contendo o local, a sala e o horário de realização será disponibilizado no endereço eletrônico do IBFC a partir do dia 17 de junho.

O concurso da MGS ainda contará com as seguintes etapas: prova prática, eliminatória e classificatória, para os cargos de cantineiro e oficial de manutenção escolar; e análise de experiência profissional, classificatória, para todas as funções (exceto capineiro).

Serão convocados para a prova prática os habilitados na objetiva, até a classificação de número 130 para oficial de manutenção escolar e 2.360 para cantineiro. Ela avaliará a capacidade, desempenho e o conhecimento do candidato, a fim de averiguar se está apto a exercer satisfatoriamente as atividades inerentes ao pleno desempenho da ocupação.

Comentários

Mais Lidas